top of page

Cerveja, destilados ou vinho existe algum menos prejudicial a saúde?





Por Leonardo Ferreira Koury (*)


O consumo de bebidas alcoólicas é  um hábito  muito antigo da humanidade, há relatos que o álcool era consumido por civilizações pré históricas, análises químicas revelaram recentemente que os chineses fabricavam uma espécie de vinho à base de arroz, mel e fruta há nove mil anos.



Existe algum benefício no consumo de bebidas alcoólicas?


 O álcool pode aumentar o famoso  colesterol   bom  HDL aquele  mesmo que  protege o coração contra problemas como infarto, mas o consumo precisa ser por volta  de 30 gramas de álcool por dia, que seria cerca de 2 latas de cerveja por dia ou 3 taças de vinho ou 2 doses de destilado.  Já foi visto que o consumo de 30 gramas de álcool por dia pode aumentar marcadores de saúde do fígado podendo no futuro gerar problemas mais sérios .


Vinho cerveja ou destilado?


Um estudo dinamarquês mostrou que o consumo de vinho melhora, de cerveja não altera e de bebidas destiladas piora a mortalidade cardiovascular, por AVC ou outras causas .


A barriga de chopp realmente é provocada pelo consumo desse tipo de bebida alcoólica?

Gordura visceral ou “barriga de chopp”, “gordura dura”  é uma condição onde a gordura  fica centralizada entre os órgãos dificultando a função dos mesmos, além disso a gordura armazenada nessa parte do corpo pode aumentar a inflamação geral do  nosso organismo, essa inflamação silenciosa  piora as doenças já existentes e aumenta o risco para outras patologias . Esse tipo de condição não tem relação direta com o consumo do chopp, mas tem total relação com um estilo de vida sedentário e dieta hipercalórica, embora o álcool facilite a alta ingestão de calorias  por conter cerca de 7kcals por grama ele não é a causa direta do problema.  O grande problema do consumo do chopp é a quantidade que se ingere, é muito mais fácil ingerir  uma quantidade enorme de chopp comparada a  vodka ou vinho, isso com uma determinada frequência ( semanal) por exemplo, pode determinar um ambiente que favorece o acúmulo de gordura visceral .


Quais os limites toleráveis para o consumo de álcool?


É considerado moderado o consumo quando o máximo diário ( em ml) não ultrapassa os valores de :

Homens  680( cerveja)

284(vinho)

86( destilados)

Mulheres  341 ( cerveja)

142( vinho)

43 ( destilado)


O consumo de   álcool  especialmente do vinho pode conferir benefícios para a saúde do coração, isso se deve   pela junção do álcool e flavanóides do vinho, que possuem propriedades antioxidantes e vasodilatadoras ( auxilia no relaxamento dos vasos sanguíneos).


O consumo de bebidas alcoólicas não deve ser estimulado para pessoas que não tem o hábito de beber, apesar de conferir benefícios cardiovasculares pode causar outros problemas como doenças hepáticas, câncer e problemas no trato gastrointestinal.  Já para os que possuem o hábito de ingerir mais de 30 gramas por dia a recomendação é moderar a dose e trocar o tipo de bebida para as com menor teor alcoólico como o vinho .


Referencias: Baltieri, D. A., Daro, F. R., Ribeiro, P. L., & De Andrade, A. G. (2009). The role of alcoholic beverage preference in the severity of alcohol dependence and adherence to the treatment. Alcohol, 43(3), 185-195. ( Gronbalk


Comentarios


Leia também:

bottom of page